No dia 31 de maio encerrou-se o prazo para envio da declaração de imposto de renda 2022. Mas muitas pessoas acabaram perdendo o prazo e sempre bate aquela dúvida: o que fazer?

Com o fim do prazo de declaração de Imposto de Renda, duas situações constumam ser bem comuns no meio empresarial: pessoas que não enviaram as informações no prazo e pessoas que precisam retificar informações enviadas. Pensando nisso, a Contajá separou algumas informações importantes sobre o tema.

Mesmo se o contribuinte tiver restituição a receber e entregar a declaração fora do prazo, ele deverá pagar multa, que no caso corresponde ao mínimo exigido de R$165,74.

Se o contribuinte em atraso não regularizar sua situação em relação ao IRPF, ele fica com o CPF irregular e impredido de algumas ações sociais como tomar empréstimos, prestar concursos públicos e emitir passaporte.

Para quem tem mais experiência, é possível baixar o Programa Gerador da Declaração 2022 neste link e fazer a declaração normalmente, com o seu login e senha gov.br.

Por fim, se o eu caso é de retificação, de acordo com dados do Governo Federal, “se a sua Declaração do Imposto de Renda (DIRPF) caiu na malha fiscal e você recebeu uma Notificação de Lançamento, você pode pagar, parcelar ou, se não concordar com o lançamento, apresentar defesa em até 30 (trinta) dias”.

Lembrando que caso você tenha alguma dúvida sobre a declaração do IRPF, você pode entrar em contato conosco e pedir ajuda.